quarta-feira, 24 de agosto de 2011

Mais de 2 milhões desperdiçados com Wanderley



O atacante Wanderley foi mais um dos jogadores vindos da Série B anunciados como reforço da administração Perrella para o Campeonato Brasileiro. Ele aportou em setembro de 2008, na Toca II e não acreditei quando soube que havia custado mais de 2 milhões de reais! O site Futebol Interior revelou que este era apenas o valor que deveriam pagar a Macaca pela multa rescisória! Para tirá-lo da Ponte, a administração Perrella e um parceiro teriam feito proposta superior à Traffic, que pretendia colocar o atacante no rival atlético! Como se desperdiça dinheiro no futebol!

A administração Perrella omitiu o valor total da transação. Apenas informou que adquiriu 40% dos direitos econômicos do atacante. Outros 40% ficaram com o parceiro do negócio, que era a empresa Energy Sports, ligada ao Hospital São Luiz, de São Paulo, conforme foi apurado pelo portal UAI junto a pessoas ligadas à Ponte Preta. Os 20% restantes pertenciam ao empresário e ex-zagueiro da Seleção, André Cruz.

Wanderley assinou contrato de três anos e se definiu como um pivô do estilo futebol força, que segura os zagueiros, divide bolas, tem chute forte e velocidade.

Duas partidas que entrou como titular, contra a Portuguesa e o Santos foram suficientes para que ele fosse reprovado pelo treinador Adilson. Ao todo disputou 21 jogos, sendo 16 como reserva e marcou apenas quatro gols.

Em setembro de 2009 foi emprestado ao Santo André, gratuitamente. Foi mal junto com todo o time que terminou o campeonato rebaixado para a Série B.

A administração Perrella tentou colocá-lo naqueles corajosos times de Portugal e chegaram a anunciar que o Marítimo havia se interessado pelo seu "futebol" e que pagariam cerca de 1,6 milhões de reais. Tudo não passou de conversa. Em janeiro de 2010 marcou o seu retorno a Série B sendo emprestado sem custos ao São Caetano.

Em janeiro de 2011, a administração Perrella rescindiu seu contrato. Mais uma péssima contratação. Mais dinheiro jogado fora!


INTERNACIONAL 3 X 2 CRUZEIRO
07/08/2011 (Dom-16h) - Campeonato Brasileiro (turno) - Beira-Rio (Porto Alegre, RS)
Público: 14.117 (R$ 216.240,)
Árbitro: Wilton Pereira Sampaio (DF)
Auxiliares: Marrubson Melo Freitas (DF) e João A. Sousa Paula Neto (DF)
Gols: Anselmo Ramon 11’ e Leandro Guerreiro 81’ (C) / D’Alessandro-de pênalti 20’, Andrezinho-de falta 39’ e Leandro Damião 73’
Internacional: 1-Muriel; 4-Nei, 2-Bolívar, 3-Índio e 6-Fabrício; 5-Elton, 8-Glaydson, 17-Andrezinho e 10-D'Alessandro (16-João Paulo/86’); 7-Dellatorre (14-Zé Mário/64’) e 9-Leandro Damião (18-Jô/77’). T: Osmar Loss
Cruzeiro: 1-Fábio; 2-Vitor, 4-Naldo, 3-Gil e 6-Diego Renan; 5-Marquinhos Paraná, 8-Leandro Guerreiro, 7-Gilberto (15-Bruninho/83’) e 10-Montillo; 11-Wallyson (17-Ortigoza/46’) e 9-Anselmo Ramon. T: Joel Santana
CA: Fabrício/22’, Leandro Damião/35’, Andrezinho/39’, D’Alessandro/56’ e Zé Mario/89’ (I); Gilberto/19’, Gil/34’, Leandro Guerreiro/82’, Ortigoza/90’ (C)
CV: Gil (Cruzeiro, após o fim do jogo)
*Com a derrota o Cruzeiro se manteve na 11ª posição na tabela de classificação do Campeonato Brasileiro com 18 pontos ganhos - 15 a menos que o líder Corinthians.


twitter:
@herniqueribe
Postar um comentário