terça-feira, 18 de abril de 2017

A arbitragem feminina no futebol brasileiro

Carlos Henrique

Em 18 de agosto de 1988, por meio de uma portaria, homologada pela presidência da Confederação Brasileira de Futebol-CBF, foi instituída pela Cobraf o quadro de árbitras do futebol brasileiro, vinculado à Relação Nacional de Árbitros de Futebol. As 18 árbitras incluídas no quadro feminino seriam escaladas em competições amistosas: Lisieux Araújo, Lúcia Azevedo, Lúcia Helena Ferreira, Maria Aparecida Dias, Maria Cristina Agra, Maria da Conceição Mendes, Maria José Moura, Neuza Calheiros, Regina Célia Carvalho, Sônia Rezende, Sueli Morais, Vanda Martins, Cláudia Guedes, Cenilza Cappelli, Cláudia Neves, Elizabeth Andrade, Elizabeth Falcão e Gleice Cerqueira. No ano de 1989 seriam incluídas no quadro oficial da Cobraf ficando aptas para dirigir jogos de competições oficiais.

O primeiro jogo da história do Cruzeiro que teve uma mulher compondo o trio de arbitragem foi em 1993, pelo Campeonato Brasileiro; e um jogo dirigido por um trio de arbitragem feminino foi em 2003, também pelo Campeonato Brasileiro.

CRUZEIRO 1 x 0 BRAGANTINO
31/10/1993 - Campeonato Brasileiro - Mineirão
Ingressos: 6.538 (Cr$ 2.318.500,)
Arbitragem: Renato Marsiglia/RS (Paulo Brasília/RS e Cláudia Guedes/RS)
Gol: Ronaldo 32’
Cruzeiro: Sérgio, Paulo Roberto, Toninho, Célio Lúcio e Zelão; Ademir, Boiadeiro e Careca (Douglas); Macalé, Ronaldo e Roberto Gaúcho (Edenilson Pateta). T: Carlos Alberto Silva
Bragantino: Marcelo, Valmir, Júnior, Carlos Augusto e Márcio (Ronaldo Alfredo); Pires, Marcelo Prates e Alberto; Claudinho (Chicão), João Santos e Sílvio. T: Nelsinho Batista
CA: Paulo Roberto, Ademir, Boaideiro (C); Pires (B)

CRUZEIRO 0 x 3 PAYSANDU
23/07/2003 (Qua-20h30) - Campeonato Brasileiro - Mangueirão (Belém, PA)
Arbitragem: Sílvia Regina/SP (Ana Paula Oliveira e Aline Lambert)
Gols: Magnum 8’, Robson 58’; Robson 84’
Cruzeiro: Artur, Edu Dracena, Cris e Thiago; Maurinho, Recife (Itaparica), Zinho, Felipe Melo (Márcio) e Leandro; Mota (Thiago) e Aristizabal. T: Vanderlei Luxemburgo
Paysandu: Carlos Germano, Wellington, Jorginho, André Dias, Luiz Fernando, Rogerinho, Jóbson, Jairo, Wélber (Vanderson), Robson (Alexandre), Magnum (Zé Augusto). T: Ivo Wortmann
CA: Maurinho (C); André Dias, Robson, Jairo, Jorginho (P)
CV: Thiago/41' (C); Jairo (P)
Postar um comentário