sábado, 13 de maio de 2017

Campeonato Mineiro 2010

Carlos Henrique

Primeira Fase
20/01 - Cruzeiro 6 x 0 Uberlândia (Mineirão)
30/01 - Cruzeiro 0 x 3 Ipatinga (Mineirão)
06/02 - Cruzeiro 4 x 2 Villa Nova (Mineirão)
13/02 - Cruzeiro 2 x 0 Caldense (Ronaldão, Poços de Caldas)
20/02 - Cruzeiro 3 x 1 Atlético (Mineirão)
27/02 - Cruzeiro 1 x 0 Boa (Fazendinha, Ituiutaba)
03/03 - Cruzeiro 5 x 0 Uberaba (Mineirão)
07/03 - Cruzeiro 2 x 3 Tupi (Municipal, Juiz de Fora)
14/03 - Cruzeiro 3 x 2 América (Mineirão)
20/03 - Cruzeiro 2 x 1 América-TO (Mineirão)
28/03 - Cruzeiro 1 x 3 Democrata (Mamudão, Valadares)
Classificação: 1º Cruzeiro*; 2º Democrata-GV*; 3º Atlético*; 4º Tupi*; 5º Ipatinga*; 6º América*; 7º Villa Nova*; 8º Uberaba*; 9º Caldense; 10º América-TO; 11º Uberlândia; 12º Boa
*classificados

Quartas de final
03/04 - Cruzeiro 2 x 2 Uberaba (Mineirão)
07/04 - Cruzeiro 3 x 0 Uberaba (Uberabão)
Semifinal
11/04 - Cruzeiro 0 x 0 Ipatinga (Lamegão, Ipatinga)
18/04 - Cruzeiro 1 x 3 Ipatinga (Mineirão)
Classificação Final: 1º Atlético (Campeão); 2º Ipatinga; 3º Cruzeiro; 4º Democrata-GV; 5º Tupi*; 6º América*; 7º Villa Nova*; 8º Uberaba*; 9º Caldense; 10º América-TO; 11º Uberlândia*; 12º Boa*
*rebaixados
Artilheiro Máximo: Eraldo (Democrata-GV) com 11 gols

Critérios de Participação:
Disputado pelos 10 primeiros colocados do Campeonato Mineiro de 2009, mais o Ipatinga e a Caldense, campeão e vice do Módulo II de 2009, respectivamente. O Rio Branco de Andradas licenciou-se e o América de Teófilo Otoni, terceiro colocado do Módulo II de 2009, o substituiu no Campeonato.

Sistema de Disputa:
Dividido em quatro fases: Na primeira as equipes se enfrentaram em turno único e os 8 primeiros colocados se classificaram para as quartas de final. Os dois últimos foram rebaixados para o Módulo II; nas quartas de final as equipes foram divididas em quatro chaves, com duas cada, na seguinte ordem de classificação da 1ª fase: 1º x 8º, 2º x 7º, 3º x 6º, 4º x 5º. As equipes iniciaram esta fase com os pontos zerados. Os quatro primeiros colocados da primeira fase disputaram os confrontos com a vantagem de dois resultados iguais com o mesmo saldo de gols. As equipes se enfrentaram em duas rodadas. Os vencedores das chaves avançaram para a semifinal.

Na fase semifinal as equipes foram divididas em duas chaves, com duas cada, na seguinte ordem de classificação geral: 1º x 4º e o 2º x 3º. As equipes iniciaram esta fase com os pontos zerados. Os dois primeiros colocados somando os pontos de todas as fases disputaram os confrontos com a vantagem de dois resultados iguais com o mesmo saldo de gols. As equipes se enfrentaram em duas rodadas. Os vencedores das chaves avançaram para a final.

Os finalistas decidiram o título em duas rodadas. Nesta fase os pontos foram zerados, mas o finalista que somou o maior número de pontos em todas as fases disputou a decisão com a vantagem de dois resultados iguais com o mesmo saldo de gols.

Sistema 4-4-2:
Fábio, Jonathan, Cláudio Caçapa (Leonardo Silva), Gil e Diego Renan; Fabinho (Henrique), Pedro Ken (Marquinhos Paraná), Bernardo e Gilberto; Wellington Paulista e Thiago Ribeiro. Treinador: Adilson

Quem jogou
Jogos
Atletas
12
Fábio, Pedro Ken
11
Bernardo, Fabinho
10
Diego Renan, Gilberto, Jonathan, Thiago Ribeiro
9
Cláudio Caçapa, Gil, Marquinhos Paraná, Wellington Paulista
8
Henrique, Leonardo Silva
6
Eliandro, Guerrón, Kléber, Roger, Thiago Heleno
5
Camilo, Fernandinho
4
Anderson Lessa, Elicarlos, Fabrício, Kieza, Marcos
3
Magalhães, Rafael, Uchoa
1
Dudu, Leandro Lima, Léo Fortunato

Quem marcou gols
Gols
Atletas
5
Kléber, Thiago Ribeiro
4
Wellington Paulista
3
Leonardo Silva
2
Anderson Lessa, Bernardo, Fabinho, Gilberto, Kieza, Roger
1
Cláudio Caçapa, Diego Renan, Eliandro, Gil, Jonathan, Pedro Ken



Postar um comentário